Home Canalização? Nossos canalizadores Sobre nós Contact


Home > Português > Matthew Ward — April 23, 2011

Português brasileiro Esta mensagem também está traduzida em Português brasileiro

Matthew Ward — April 23, 2011

Hatonn: Central nuclear do Japão/Radiação/ajuda, tecnologia HAARP etc; Matthew: prevalência, efeitos do medo; Lazarus: variedade da ajuda ET: Menta: aspectos da civilização, ajuda; Matthew: o Eu multidimensional

1. Com saudações amorosas de todas as almas desta estação, sou Matthew. Começamos, chamando o nosso amigo e colega Hatonn para responder aos pensamentos que demonstram mais preocupação: A situação da central nuclear do Japão pode ser resolvida com segurança; qual será o prejuízo que irá resultar a longo prazo; até que ponto os níveis de radiação são perigosos para a vida?

2. Aqui Hatonn, para acalmar as vossas preocupações. Asseguro-vos que a situação, pode, e irá estar resolvida com segurança, e NÃO haverá perigo a longo prazo! No entanto, de momento, é uma questão de contenção. Os nossos cientistas estão a filtrar (incutir), nas mentes dos trabalhadores da central e do pessoal do exterior, as acções que poderão impedir a fusão dos reactores danificados – essas pessoas irão interpretar este processo de filtragem como sendo “ideias” ou “inspirações” deles próprios. A nossa tripulação reduzida, que está perto da central, em conjunto com as tripulações do exterior do planeta, estão a reduzir a radiação ao máximo possível, e a tecnologia das naves está a ajudar a minimizar a actividade dos reactores.

3. Há outra falta de conhecimento difundida sobre o que realmente está a acontecer. Os vossos cientistas não sabem que a Terra está a percorrer órbitas em que a radiação é fracturada e é menos potente do que a que é registada pelos vossos aparelhos. Naturalmente que esses aparelhos ainda não estão calibrados para incluir factores que ainda não são conhecidos. Além disso, as diferenças de precisão estão a causar uma grande variedade de leituras, e isso está a criar confusão sobre os níveis de radiação que realmente existem. As leituras mais baixas são mais confiáveis, de acordo com os nossos instrumentos, que têm em conta a acção da fractura da radioactividade que eu mencionei atrás. Além disso, muitas pessoas sabem que estamos aí devido às naves pequenas que, muitas vezes, são visíveis, e não sabem quando é que a nossa equipa tecnológica está no terreno, e que podemos desmaterializar os reactores e o lixo nuclear e purificar o ar, o solo e a água poluída. Também ainda não são reconhecidos os poderes extraordinários de auto cura da Terra, por isso, esses assuntos não são tidos em conta nas vossas projecções científicas como sendo resultados possíveis desta situação nuclear.

4. Esta falta de conhecimento colectivo está a causar uma grande quantidade de medo, e esse medo é apenas a única situação preocupante de todo este assunto. Isto atrai isto, e a constituição negativa dos que pertencem às trevas está a atrair suplementos de energia negativa do vosso medo. Os que pertencem às trevas estão a usar isso para reforçar a sua força e determinação em manter a luta contra as forças da Luz, dos quais vós, trabalhadores da Luz, fazeis parte. Não caiam nessa armadilha e sosseguem os outros sobre esse medo, sempre que puderem!

5. Alguns de vós sentem-se desencorajados e desapontados porque não aterramos para limpar a central nuclear de uma vez por todas. Sim, podíamos fazer isso se estivéssemos no terreno, e os que pertencem às trevas, e que estão entre vós, sabem disso. Também sabem que, uma vez que aterremos em massa, toda a actividade das trevas irá ter um fim abrupto. É, por isso, que os mercenários e outras tropas sob o seu controlo, em todo o planeta, estão alerta contra um “ataque extraterrestre” e prontos para levar a cabo medidas de retaliação muito pesadas. Não podemos pôr em risco a vossa segurança, ou a segurança das nossas tripulações, ao fazer aterragens públicas, até que o risco desapareça. Não sabemos quando e como isso irá a acontecer e, de novo, tem a ver com o factor medo – enquanto o medo se mantiver a alimentar as trevas, esse risco irá permanecer.

6. Os vossos pedidos insistentes sobre fontes de energia mais seguras irão acabar com a energia nuclear. Ela foi sempre perigosa nos mundos das dimensões mais baixas e não é necessária nas densidades mais altas. A tecnologia da energia limpa, segura e confiável foi suprimida pelas pessoas que fazem fortunas com a energia nuclear e com a energia fornecida pelo uso dos combustíveis fósseis – exijam que essas fontes de energias “novas” sejam postas em prática.

7. A combinação das vossas exigências, da nossa tecnologia e a própria capacidade da Terra, irão restaurar a sua saúde em meses e não durante séculos, de acordo com o vosso cálculo de duração ‘de tempo de vida’ dos elementos radioactivos. E não subestimem o poder dos vossos pensamentos – ou chamem-lhe orações – para que o vosso mundo esteja completamente radiante e livre das trevas. Uma grande parte tem de estar realizada e IRÁ ser feita antes do fim do próximo ano. O processo será muito mais fácil e muito mais agradável quando o poder da Luz substituir a energia do medo.

8. Matthew, gostaria de ter oportunidade de falar de algo que também está a ser questionado – porque é que não impedimos os terramotos elaborados pelos homens, desmantelando o HAARP? Embora o HAARP registe actividade na elaboração de terramotos feitos pelo homem, é errado pensar que só isso seja responsável por esses sismos. O HAARP tem várias funções em diferentes pontos do globo, e uma dessas funções, em combinação com outras tecnologias, é usada para causar abalos sísmicos, erupções vulcânicas, tempestades fortes e inundações. As outras tecnologias foram derivadas dos inventos e descobertas de Nikola Tesla, e pela informação dada pelos Pequenos Greys. Isso reporta há cerca de 70 anos ou mais. Toda essa tecnologia foi dominada pelos Illuminati e foi modificada para atingir os seus objectivos negativos.

9. Suspeitaram que estávamos a interferir nos seus esforços para causar mortes e destruição maciça, mas não tinham a certeza até há alguns meses atrás, quando diminuímos a força de um furacão e direccionamos a tempestade para norte, ao longo da costa oriental dos Estados Unidos. Depois disto, vários cientistas e engenheiros integraram vários sistemas, de modo a conseguir que a energia e os vossos sistemas de comunicação fossem interrompidos a nível global se tentássemos, a partir das nossas naves, desmantelar o equipamento dos Illuminati. Conseguir isso é um processo difícil e pode, apenas, ser feito no local, para evitar repercussões graves. Logo que os Illuminati cheguem ao fim, as funções do HAARP e as tecnologias de Tesla irão ser aplicadas para fins pacíficos em vez de objectivos de destruição.

10. Obrigado, Matthew, por teres permitido o acesso a este fórum, a fim de limpar o ar dessas dúvidas e receios.

11. Hatonn, nós agrademos- te — poupastes-nos ter de explicar tudo isso!

12. Então agora, tal como Hatonn acabou de afirmar, e nós dissemos muitas vezes, o medo é poderoso, e há muito medo no vosso mundo. De um modo justificável, o povo do Japão está com medo porque os tremores de terra continuam, e eles estão mais próximos da radiação dos reactores. Outros que também vivem em zonas de actividade sísmica estão receosos, bem como os povos que estão em zonas de guerra, os que estão a sofrer grandes dificuldades financeiras e as pessoas que foram deslocadas dos seus lares. Outros têm medo do aquecimento global, da economia abalada ou completamente desgastada dos seus respectivos países, da perda de empregos, do custo dos combustíveis, do enfraquecimento das infra estruturas, e mesmo, de uma Terceira Guerra Mundial nuclear.

13. O medo colectivo, instalado nas mentes e nos corações, está a apoiar as trevas, e também está a comprometer os benefícios da Luz , apesar de ela se estar a intensificar ao longo de todo o caminho de ascensão da Terra. Se bem que o factor medo não possa diminuir o ritmo firme da Terra, está a permitir que os das trevas bloqueiem o progresso de indivíduos tais como os lutadores em prol da liberdade em vários países, os que trabalham para alcançar reformas económicas e governamentais, e muitos dos que estão a ponto de “ver a Luz.” Podeis dizer que há um “abrandamento” no movimento pessoal de progressão em direcção à Idade Dourada da Terra.

14. Apressamo-nos a dizer que isso não irá durar muito mais! A Terra está a aproximar-se de níveis de vibração em que a Luz é tão intensa que todos os que recusaram a Luz – aqueles que designamos pelos que pertencem às trevas apenas para indicar a sua falta de Luz – irão morrer. Isso pode parecer muito duro, mas não se relaciona com um julgamento ou castigo “divino” – é apenas a Física que governa a vida neste Universo, que determina que os corpos desprovidos de Luz não podem sobreviver nessas vibrações mais altas. Em resumo, todos os que têm estado a causar condições de medo irão desaparecer.

15. Recordando o que temos dito em mensagens anteriores, muitas almas irão deixar esta vida de acordo com os seus contratos de alma, e não ireis saber se foi devido a essa escolha, ou a escolha de recusar a Luz que resultou na morte delas. E de novo, pressionamos para que não julguem, mas que enviem Luz a todas as almas do vosso mundo. Ao fazer isso, reforçais a Luz dentro de vós e ela emana para o exterior, para erguer os outros. A Terra sabe onde a Luz é mais necessária e espalha-a nessas áreas por um processo de nivelamento universal. Sendo a força mais poderosa do cosmos, a Luz/Amor tem efeitos maravilhosos sempre que é recebida!

16. Ainda há outra fonte de medo. Não irá impedir o ritmo de ascensão da Terra, mas irá ter graves ramificações nos indivíduos afectados. Ao contrário das fontes mencionadas acima, que são fundamentadas nas circunstâncias actuais, esta fonte de medo, está enraizada nas pessoas que acreditam nas representações da indústria do “entretimento” (filmes e séries de televisão), que representam os extraterrestres como conquistadores; pois as pessoas acreditam nos relatos de que uma civilização que se intitula como benevolente, mas que eles irão aterrar e escravizar a população da Terra. Essas pessoas irão encarar a chegada de seres estranhos como se o impensável esteja realmente a acontecer.

17. Embora desejássemos veementemente que a nossa informação alcançasse todos os que têm essas crenças, teremos de ficar “satisfeitos” com a iluminação das pessoas que apreciam os avistamentos de naves, mas que não têm ideia de quem são, e de como são os passageiros e as tripulações, e que não sabem que a Terra está a ter a ajuda deles há milhares de anos. Esperamos também alcançar os indivíduos desconhecedores destes assuntos que Hatonn referiu, e aqueles que sentem quepensam: Não necessitamos de nenhuma ajuda, podemos resolver tudo sozinhos.

18. O que oferecemos não só irá atestar os motivos pacíficos e a variedade da ajuda que tem sido, e que está a ser dada por outras civilizações, mas que vos irá fornecer as pessoas representativas de uma delas. Recentemente a minha mãe foi convidada a rever outro dos meus livros e ao levar isso a cabo, trabalhou com as fontes que adicionaram actualizações ao material original. Mãe, por favor, adiciona a parte que discutimos, e inclui também a minha introdução a Lazarus.

______________________________

19. MATTHEW: Mãe, a próxima apresentação é de uma alma que representa a energia de Lázaro, que é altamente respeitada universalmente. Essa força maciça foi designada por Deus para reduzir os efeitos destrutivos da negatividade que poluiu tanto a Terra, que quase matou o seu corpo planetário. Lázaro está pronto para começar a sua apresentação.

LAZARUS: Bom dia, Snra. Suzy. Somos um grupo de almas que são muito mais poderosas do que algumas almas belas que tiveram, apenas, muito menos vidas para evoluir do que nós.

…….

Estou encantado por estar a falar de novo contigo, Suzy! É tal qual como Matthew disse – não por estas palavras, porque ele fala com muito mais delicadeza do que eu – os vossos cientistas mal intencionados estão ligados a isto, de novo, com a “sua” tecnologia. Enviei-te uma imagem de “sua” com aspas porque eles não a desenvolveram sozinhos. Os Pequenos Cinzentos deram-na a eles por aquilo que foi considerado uma boa troca com benefícios para eles e para a Terra, mas como sabes por intermédio de Matthew, os Greys fizeram um acordo falhado e vocês também, porque os Illuminati usaram essa tecnologia apenas para vosso prejuízo.

Não pudemos impedir totalmente os seus esforços, tal como a manipulação do vosso tempo meteorológico, e fazer a Terra tremer ou os vulcões explodir – conheces o acordo do livre arbítrio – mas, certamente, podemos reduzir as suas expectativas de destruição alargada e de elevadas taxas de mortalidade. Estabelecemos uma rede electromagnética que absorve a energia cinética e que a transmuda para os éteres - O efeito é muito semelhantes às ondas num lago quando atiras um seixo para o meio.

SUZY: Lázaro, tenho contado com a tua ajuda durante muitos anos, e é bom saber que continuas aí em cima a dá-la. É um esforço conjunto, ou as vossas tropas estão a agir sozinhas em tudo isto?

É um esforço semelhante a uma porta giratória, com cada uma das tripulações designadas para vigiar a Terra, a agir no seu sector particular, no momento em que a energia se está a nivelar e a dispersão é necessária. Quando a força é muito mais poderosa do que um simples ronco ou pequenos sismos subaquáticos, eles não necessitam envolver-se, mas quando algo de grande está a ponto de rebentar, o resto das tripulações participam em qualquer grau de ajuda adicional que seja necessário. Não estamos apenas envolvidos em acontecimentos geofísicos, também reduzimos o poder das tempestades tais como furacões e tufões. Diminuímos os efeitos até ao ponto que podermos, mas uma vez que essas forças poderosas, em cima e em baixo do solo, estejam em movimento, mesmo a nossa tecnologia mais avançada não consegue impedir todo o desastre e mortandade.

Se fosse permitido à Mãe Terra manusear com toda a negatividade para se libertar dela, fá-lo-ia em áreas onde iria resultar um efeito mínimo e ela não iria necessitar da nossa ajuda. A nossa ajuda torna-se mais necessária quando esses esforços diabólicos são dirigidos para áreas densamente povoadas. Deixa-me dar-te um exemplo, o furacão denominado Earl. A Mãe Natureza deu início a ele para libertar a negatividade no mar, onde não teria causado nenhum dano, mas os cientistas loucos entraram em acção – intensificaram os ventos de modo a tornar uma tempestade violenta e dirigiram-no para a costa. Foi quando todos entramos em acção – diminuímos a força do vento para que pudéssemos voltá-lo para norte e impedi-lo de fustigar a costa. Foi uma das nossas interferências mais dramáticas e isso enganou essa gente que pensava que tinham elaborado um grande desastre.

Lazarus, sinto que tivemos uma grande ajuda extra terrestre nesse caso e Matthew confirmou isso. Obrigada para ti e para todos os outros que fizeram isso – bem, por TUDO o que tendes feito por nós! Que mais tendes feito?

Bem, temos mantido vigilância sobre os criminosos que tentam enviar ogivas nucleares para determinados alvos e vaporizamos uma dúzia delas ou mais – as ogivas, não os criminosos! Depois há os objectivos menores das “Black ops”, como vocês lhes chamam, às quais impedimos ou reduzimos substancialmente os resultados pretendidos. Alguns de nós neutralizaram vírus de doenças fabricadas em laboratórios de modo que as pandemias tão altamente publicitadas nunca aconteceram, e ao mesmo tempo, temos estado a reduzir ao máximo as toxinas dos chemtrails, a radioactividade do armamento e de outros poluentes perigosos. Oh, sim, também demos uma mão para impedir o Golfo do México de morrer após a explosão da plataforma do petróleo.

E estamos sempre à procura de meteoros e outros pequenos corpos celestes que se dirigem na vossa direcção – penso que ficariam surpreendidos se soubessem o número que desviamos de vós. Não estamos sozinhos a cumprir essa tarefa. Quase todos os que estão próximos participaram nessa espécie de protecção que começou há milhares de anos, quando a Terra começou a descer para a zona vulnerável da terceira densidade. Vou relatar-te um incidente relativamente recente, um ano ou mais após o virar do século. As minhas tropas não estiveram envolvidas nesse salvamento em particular, mas, à excepção da vossa civilização, esse facto é conhecido em todo o Universo. Um meteoro veloz, de um tamanho excepcional foi dirigido para vós pelas cúpulas das trevas - estavam cansadas da conquista lenta do planeta e decidiram aniquilá-lo. Quando os vossos irmãos do espaço viram que este meteoro tinha sido desviado da sua órbita normal e redireccionado para a Terra, fizeram um apelo às forças de Menta, que tiveram o poder de pulverizar o meteoro em pequenos fragmentos, que se incendiaram ao entrar na atmosfera.

E nunca suspeitamos de tal coisa – isso também é certo! Bem, talvez alguns astrónomos tenham seguido isso. Se assim foi, devem ter ficado espantados quando o meteoro desapareceu.

Se pudesses verificar esse caso com os que o viram, irias saber que eles descobriram apenas um pouco antes de ele ficar totalmente vaporizado e ter sido concluído que tinha sido uma anomalia. Sabes que muito poucos dos vossos cientistas que dão credibilidade aos seres inteligentes do espaço.

Isso não está a mudar?

Não significativamente, mas posso garantir que vai mudar no momento em que for suficientemente seguro, para que algumas as nossas tripulações aterrem.

Não há um plano mestre para isso acontecer?

Claro que sim. Logo que seja seguro para vós e para as nossas tripulações aterrarem. O Conselho da Federação Intergaláctica coordenou isso, como todos nós que temos estado a vaguear pelos vossos céus há, pelo menos, 60 anos. Alguns deles, há mais tempo, e há MUITO mais tempo em alguns casos – com todos os seus erros, a vossa Bíblia faz algumas referências à presença Extraterrestre. Conheces bem Hatonn – a sua frota de Pleiadianos tem estado aí há mais tempo do que outros, especialmente os que estão no espaço profundo e que dirigiram uma Luz poderosa ao pedido de ajuda da Terra, há muitas décadas atrás, e todos nós que estávamos perto, falando relativamente, também entramos em acção e demos ajuda tecnológica. Uma das tarefas da frota de Hattonn, durante tantos séculos que já perdi a conta, é manter o escudo protector à volta do Nirvana que se estende à Terra durante todas as visitas, os residentes dai que vos visitam e vice versa – quase nenhum de vós aí na Terra, está ciente destas viagens da alma.

Sei disso por me ter sido referido por Matthew. E sobre as aterragens dos ET’s?

Para lá dos representantes das Plêiades, dos provenientes de Lira, Arcturus, Sírio e Vega irão ser provavelmente os primeiros porque são os que estão nas naves mais próximas e também, eles são os vossos primeiros ancestrais. Conheço a mensagem de Horiss, por isso sei que estás ciente de que alguns de vós têm ascendência reptiliana, e algumas das suas almas iluminadas também irão chegar. Eu digo “chegar,” mas sabes que muitos de nós já estão aí. Irão ficar entusiasmados por revelar, finalmente, as suas verdadeiras identidades, e alguns irão verdadeiramente chocar-vos!

Queres dizer porque sabemos muito bem as posições que detêm?

É exactamente por isso.

Suponho que não vais-me dizer quem são. Ou vais?

Não, porque é prerrogativa deles fazê-lo na ocasião certa, não é a minha agora. Realmente, tu podes não ficar muito chocada com alguns, Suzy, e temos que deixar isto neste pé!

OK, Lazarus. Estou tão desejosa que isso aconteça! A Terra está numa órbita estável ou ela ainda necessita da vossa ajuda?

A nossa bem amada Gaia … deixa-me intercalar algo aqui. Gaia é o nome da alma do vosso planeta, e os nomes antigos do seu corpo planetário eram Terra e Shan, mas chamamos-lhe Terra, tal como vós, embora coloquemos um E maiúsculo na terra (earth) que vocês caminham, o que foi feito por alguma civilização anterior com pouca imaginação. O mesmo acontece com a palavra Deus, aparentemente porque ele é um deus, não uma deusa. De qualquer modo, Suzy, sim, a Terra ganhou muito da sua antiga força com a chegada da Luz, mas nós ainda estamos a adicionar a nossa juntamente com a nossa tecnologia para assegurar a sua estabilidade. Nem toda a confusão para a libertar da negatividade acabou, tu sabes, e não é uma questão de diminuirmos a nossa diligência a respeito disso até que ela esteja totalmente na quarta dimensão. Então todos nós gritaremos Aleluia – a nossa missão estará cumprida! E nessa ocasião, todos ireis conhecer os vossos irmãos e irmãs do Universo.

____________________________

20. Obrigado, Mãe. A tudo o que Lazarus disse, junto outro serviço valioso em vosso nome, a Luz maciça a ser irradiada para vós das almas do Nirvana e de inúmeras outras almas, nos reinos do espírito.

21. E Mãe, tenho outro pedido para te fazer. Lazarus referiu Menta. Para que os leitores possam saber algo sobre essa civilização e a assistência que ela vos dá, por favor, selecciona algumas passagens apropriadas para a apresentares e publica-as neste lugar.

____________________________

22. (MENTA): Somos um campo de energia vasto e poderoso de cerca de 1 bilião de almas colectivas. Quando encarnamos, vivemos num planeta que se chama Retorno, numa galáxia para lá da constelação Lira. O nosso lar é um dos muitos mundos habitados que ainda não foram detectados pelos vossos telescópios. Devo explicar porque é que digo “Eu” e “Nós”, de maneira intercalada. É porque falo contigo como uma alma, mas nunca estou separada da mente do meu grupo. Nenhuma alma é considerada melhor ou pior do que outra, porque todos os aspectos da mente são necessários para a estabilidade do nosso mundo, ou para o nosso conhecimento sempre em crescimento. ….

Como um Eu colectivo, parecemos muito mais uma árvore do que seres humanos porque a área da nossa “cabeça” tem uma abundância de sensores que parecem flores dispostas num cacho apertado. Isso é a “unidade de alojamento” da mente do grupo. A cor predominante desta região da cabeça é o branco, mas também podem ser vistos tons pastel - são as cores de áreas especializadas tais como as artes, a tecnologia, a engenharia, os cuidados infantis, etc. Somos um grande grupo de cores muito identificado com os talentos e capacidades primárias e os interesses de uma época em particular, por isso, as cores mudam para reflectir a frequência em que estamos a operar. Isto é, somos a face do prisma refractada na cor identificada com essa frequência.

Ligados à ”unidade de alojamento,” e estendendo-se através das galáxias, está um bilião ou mais de “fios” finos. São as nossas almas a viajar pelos céus à procura de novos conhecimentos, ou mais precisamente, a recordar, porque a nível do conhecimento superior da alma, tudo é conhecido. Todas as descobertas da alma são transmitidas, instantânea e automaticamente, ao grupo da mente. …..

Somos mais poderosos do que muitos outros que também estão a ajudar com a sua intensidade máxima, mas o seu comprimento de onda é menor do que o nosso, por isso voluntariamo-nos para uma dupla missão. Estamos a irradiar a nossa própria energia e também a sustentar a Luz de outras fontes, uma vez que ela esteja dentro da atmosfera da Terra. Isso é essencial para que os vossos corpos possam absorver os raios a nível celular e ajustar-se às altas frequências onde a Terra está entrar. Isso dá-vos a oportunidade de sobreviver fisicamente durante o processo de ascensão da Terra, que muitos designam como “a mudança” e outros chamam “a limpeza”.

____________________________

Mãe, obrigado.

23. De modo a realçar, de novo, a importância vital de permanecer sem medo, também é uma razão de peso o facto de termos focado a ajuda extraterrestre no passado, no tempo presente e no futuro. Com a Terra a sair da última fase para deixar a terceira densidade, é tempo de pararem de pensar em vós próprios como sendo indivíduos com personalidades, características, esperanças sonhos e realizações distintas. Que, na realidade sois, mas sois muito mais do que isso, e necessitais começar a pensar sobre os seres poderosos e multi dimensionais que sois! Sois membros da família universal das almas interligadas, eternamente conectadas como partes inseparáveis de Deus, e os vossos irmãos e irmãs desejam que sintam uma afinidade pessoal com eles, por isso os vossos encontros eminentes serão uma alegre reunião de família!

24. O nosso amor está convosco a cada momento em que percorreis os caminhos curtos para a Idade Dourada da Terra.

____________________________

AMOR e PAZ

Suzanne Ward

[Notas da Suzy: Um agradecimento enorme a todos vós que souberam que Matthew não deu a desinformação naquela mensagem recente, falsamente imputada a ele, por outra fonte. Muito obrigada a todos que descreveram como “inconsequente” ou outros adjectivos semelhantes sobre a postagem que dizia que Matthew e SaLuSa eram Mestres Ascendidos e que tinham sido censurados por um concílio qualquer. Aparentemente o que SaLuSa e Matthew estão a dizer é realmente muito desagradável para alguns!

Estar sempre em atraso em relação à leitura de emails tornou-se uma situação permanente e estou grata pela vossa compreensão de que não serei capaz de responder a muitos deles.

Ocasionalmente as mensagens de Hatonn fazem parte das mensagens de Mateus, por isso, poderei responder a perguntas dirigidas a ele. Hatonn é uma alma antiga que viveu nas Plêiades nos últimos milhares de anos, mas ele e a sua família estão a bordo de uma grande nave, muito mais vezes do que em casa. Na maior parte do tempo, tem sido o comandante de uma frota intergaláctica e, nos últimos séculos, também serviu como Director das Comunicações Universais. Hatonn e eu, falamos frequentemente desde a minha ligação telepática aberta em 1994, e uma vez que ele e Matthew eram amigos muito antes disso acontecer, por vezes, ele responde a perguntas que são mais do seu foro do que do de Mateus.

A primeira vez que Hatonn transmitiu material para um livro foi em meados de 2003, e passado dois anos, começou a dar-me informação para incluir nas mensagens de Matthew.]

                             _________________________

AMOR e PAZ

Suzanne Ward
Website: The Matthew Books
Tradução: Maria Luisa de Vasconcellos (luisavasconcellos@hotmail.com)


Matthew, Fala-me do Além, já à venda em todo o país, tendo entrado directamente para os tops de venda (Espiritualidades), está longe de ser um livro convencional. Para quem acredita que o Mundo está em transformação e que realmente existe Vida para Além da Morte, este é um livro imperdível.

A curiosidade pelo inexplicável é algo intrínseco no Homem, e os diálogos entre esta mãe e o filho que morreu cedo demais não vão deixar ninguém indiferente. Matthew, Fala-me do Além não só ajuda a compreender a beleza do outro lado, como ensina a trazer essa beleza para o nosso próprio mundo.

A morte de Matthew abalou os alicerces cristãos de Suzanne Ward, ex-jornalista. «O dogma religioso domina de tal forma as nossas crenças que é muito difícil aceitar qualquer coisa que entre em conflito com o que nos ensinaram. Depois de 35 anos como fiel praticante da igreja Cristã, fiquei atemorizada quando se iniciou a minha conexão telepática com o meu filho Matthew, que morreu aos 17 anos em 1980, e nem dá para imaginar tudo o que ele me disse!»

As mensagens que Matthew tem transmitido à mãe não se limitam à relação pessoal e natural que existe entre os dois. Temas actuais, como o terramoto no Japão, os confrontos na Líbia, a eleição de Obama, entre muitos outros, são abordados nos diálogos de Suzanne com o filho.

Onde comprar:

Portugal:
Lojas FNAC
Bertrand Livreiros: www.bertrand.pt

Fora de Portugal:
No site da Autora, em Bookshop
www.matthewbooks.com




Share |

Would you like to comment on this message? Send us an e-mail! If we find it appropriate, we will place it under this message.
If you would like to receive an e-mail from us when there's a new message from Matthew,
please let us know and we'll add you to our mailing list.

Galactic Channelings

Create Your Badge



© GalacticChannelings.com fevereiro 20 2017 | Contact | Add to Favorites